Portugal é grande quando abre horizontes

24
Mar 09

 

 

Uma vez terminada a leitura dos comentários e opiniões sobre os eventos do dia --a agenda internacional, que é o meu ganha-pão --, fico com a impressão que falta o atributo da serenidade. A tendência é para se ser pouco sereno. Prima a escrita intempestiva, como se a brutalidade e a falta de equilíbrio dessem mais peso ao argumento.

 

Sem serenidade, não há maneira de discernir e encontrar a solução.

publicado por victorangelo às 10:49

twitter
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9





<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO