Portugal é grande quando abre horizontes

15
Jul 09

 

A Ministra Britânica para a Europa disse hoje que Tony Blair seria o candidato inglês à presidência do Conselho Europeu, um posto que só existirá quando o Tratado de Lisboa entrar em vigor. Um anuncio bem fora do tempo.

 

Por que razão abriu Londres o jogo, neste momento?  Que facto ou factos tornaram necessária esta marcação do terreno? Que relação institucional e pessoal se viria a estabelecer entre Barroso, na Comissão, e Blair, no Conselho? Quem teria mais protagonismo? Ou seria uma situação de caos, sem ninguém entender o papel de cada um deles? Com rivalidades de andar às facadas nas costas, e também, no peito?

 

É um assunto para reflectir.

publicado por victorangelo às 23:25

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


twitter
Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9



30


subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO