Portugal é grande quando abre horizontes

22
Nov 09

 

 

 

 

 

Existe actualmente tanto medo e subserviência que, quando se tem a coragem de criticar, as pessoas amigas pensam que se tem as costas quentes. Que só quem tem bons padrinhos pode ousar levantar a voz.

 

 

 

É preciso dizer que não. Que em Portugal não pode, nem deve, haver medo, quando se trata de pensar nos câmbios que são necessários para que o país progrida.

 

 

 

É fundamental acreditar num futuro melhor, mais equilibrado, com políticos mais honestos e com uma visão mais generosa e ampla da coisa pública.

 

publicado por victorangelo às 20:39

twitter
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14





<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO