Portugal é grande quando abre horizontes

17
Dez 09

 

A Visão de hoje faz uma apanhado da primeira década do Século XXI.

 

Vale a pena ver a revista. Sem ser um sumário dos últimos dez anos, os primeiros desta nova era, salienta alguns aspectos importantes.

 

Fiquei honrado quando a Visão me pediu um reflexão sobre o período passado. Queriam que o meu testemunho aparecesse nesta edição de agora.

 

Aí está. Pode ser lido no sítio:

 

http://aeiou.visao.pt/emergencias-humanitarias-e-aceleracoes-tecnologicas=f541099

 

Mais do que um testemunho do passado, o texto que escrevi procura abrir algumas pistas para o futuro.

publicado por victorangelo às 19:53

Por razões desconhecidas, a Visão Online não está a mostrar no final desta manhã de sexta 18 Dez 2009 os comentários submetidos.
Desejei aí editar o texto abaixo, datado desta hora, antes das 16HH em Copenhaga:

Título: Hoje e amanhã, Copenhaga não pode falhar !

Aponta bem Victor Ângelo uma fragilidade maior, as mudanças climáticas e um modelo económico condenado, baseado num crescimento insustentado e exploração de recursos irresponsável.
*
Em Copenhaga falta pouco para as 16H, o termo da Conferência sobre o Clima.
*
Penso nas pessoas queridas, família, e nos amigos, vizinhos e noutras gentes que não conheço pessoalmente, mas a quem quero a todos bem.
Tenho animais que me dizem com os seus olhos que gostam de nós e confiam em mim.
Dá-nos prazer ver os campos e a natureza viver e mudar com equilíbrio cíclico à nossa roda.
Imagino como foram os nossos pais e avós enquanto jovens adultos no seu tempo de aventura à descoberta da vida.
Sonho como serão os filhos e netos dos filhos dos nossos pais e avós.
E os outros que hão-de vir.
E sem que eles existam ainda sequer, já me dá prazer antevê-los a brincar e a crescer com saúde, com segurança, a levarem uma vida feliz.
Eles, e toda a gente.
Numa Terra de paz e de vida melhor.
*
Gosto de viver.
*
Quem ama a vida e os seus, quem compreende a relação íntima que há entre a saúde de uma floresta e dos seus ecossistemas distantes, com a nossa própria vida, quem vê o alcance das palavras justas e clarividentes que associam defesa sustentada do ambiente com a paz e a sobrevivência dos que aí vêm (ver www.america.gov/st/texttrans-french/2009/December/20091210151401eaifas0.3498957.html ) , todos interrelacionados com todos, só pode desejar uma coisa.
*
A COP15 não pode falhar.
Moreira da Silva a 18 de Dezembro de 2009 às 12:34

Escrevi um comentário em http://aeiou.visao.pt/emergencias-humanitarias-e-aceleracoes-tecnologicas=f541099 logo às primeiras horas de quinta 17 Dezembro 2009.
Gentilmente, Victor Ângelo Comentou o meu comentário.
Nele eu dizia que, em geral, é costume as pessoas falarem do seu passado caracolando à volta do umbigo respectivo.
Mas notava que, ao invés, Victor Ângelo reflecte aí a partir do passado com os olhos bem fitos no presente e nas preocupações futuras de nós todos.
Com reflexões e avisos pertinentes à navegação.
---
Infelizmente, o meu comentário e a réplica de VA desapareceram por razões técnicas desconhecidas de http://aeiou.visao.pt/emergencias-humanitarias-e-aceleracoes-tecnologicas=f541099
Lila do Sado a 18 de Dezembro de 2009 às 13:50

twitter
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

16




<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO