Portugal é grande quando abre horizontes

18
Out 08

O PSD, tal como o sitema financeiro internacional, não consegue sair da sua crise de liderança.

 

Com Pacheco Pereia a bater com a porta na cara da Dra. Manuela, depois de ter feito campanha a seu favor, com o Santana a dividir as hostes, e a confundir os eternos oportunistas do Partido, que ficam sem saber em quem apostar, e o Senhor de Gaia a ressuscitar nas frase envenenadas que vai semeando na imprensa, temos a espiral de crise em aceleração.

 

Como nos bancos, e' um problema de confiança e liquidez.

 

De confiança, por que já ninguém acredita no grupo dirigente do costume.

 

De liquidez, por que os mais aptos retiraram-se do jogo, deixando em cena os que pouco crédito têm.

 

publicado por victorangelo às 22:32

twitter
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
15

21
23



subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO