Portugal é grande quando abre horizontes

14
Jan 09
O Senhor Patriarca, Cardeal de Roma e Espiritual de Lisboa, disse-nos que 'os casamentos com muçulmanos são um monte de sarilhos'.
 
É provável que o erro de apreciação, a falta de senso comum, a provocação simplista e provinciana, provenha do facto do senhor padre-chefe não ser um grande perito em questões matrimoniais.
 
Os sarilhos existem hoje de um modo geral. Mesmo entre não-muçulmanos. Em cada dois casamentos que ocorrem em Portugal, um acaba em divórcio. O que fica inteiro acaba por ser um sarilho dos antigos. Antigo por ter mais tempo de matrimónio.
 
São os dias de agora...
 
 
 
 
 
 
publicado por victorangelo às 21:09

twitter
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

15




subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO