Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vistas largas

Crescemos quando abrimos horizontes

Vistas largas

Crescemos quando abrimos horizontes

Viagens com pausas

 

Muita estrada.  Assim é a vida.

 

A política também é uma viagem.

 

É preciso respeitar as regras e ter em atenção as loucuras dos outros.

 

Muitas vezes disse a Mugabe e aos seus homens que a "reforma agrária deles " era como uma viagem de longo curso em que o código da estrada não era respeitado, se avançava mesmo quando as luzes estavam bem vermelhas, toda uma condução fora de mão. O caos, na estrada.

 

 

 

 

 

 

Um homem cinzento

 

Um dia de Outono, em Lisboa, nestes 99 aniversários da República.

 

O cinzento do comentário maldoso foi da autoria do Chefe Primeiro, que espetou uma farpa azeda no homem de Belém, ao dizer que a tradição exige que se vá aos Paços do Concelho, quando se comemora a implantação.

 

Os políticos grandes têm grandeza de espírito. Os boxistas da política, por seu lado, tentam aproveitar todas as oportunidades para dar uns murros. O povo, por sua vez, confunde murros com agilidade e argúcia. Gosta do espectáculo da porrada. Apoia.

 

Estamos no mau tempo de uma maralhada pequenina. Ou, como diria o outro, há tempestade no Mar da Palha.

Ultrapassar a média

 

Fica-se, muitas vezes, com a impressão que muitos Portugueses são simplesmente trapalhões, preguiçosos, estreitinhos e incompetentes. Esta parece ser uma das nossas características, quando temos as costas quentes e bons padrinhos políticos. Aliás, a cunha continua a ser, como já o fora no tempo do Salazar, o principal factor dos pequenos e grandes sucessos nas vidas de muitos de nós.

 

Junte-se uma pitada de manobrismo, para completar o quadro.

 

Também há os que são competentes, trabalhadores e bons líderes. Poderiam ser mais.

 

 

Fronteiras

 

 

Copyright V. Ângelo

 

A piroga está a atravessar a fronteira. Vem da RCA, a República Centroafricana. Deste lado, estamos no Chade.

 

Na estação seca, são precisos três dias para chegar, quer se venha de Bangui ou de N´Djaména. Nesta altura do ano, só se consegue assentar os pés neste sítio se  uma parte do trajecto for feita de mota e piroga. Põ-se a mota em cima da piroga, em certos locais, para que se possa atravessar.

 

Eu vim de helicóptero.

 

Mas mesmo de helicóptero, é uma carga de trabalhos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comunicar, comunicar, comunicar

 

A resolução dos conflitos internacionais passa pelos contactos directos entre as várias partes interessadas, pelo diálogo e pela compreensão dos interesses de cada lado. O meu texto da VISÃO on-line de hoje é dedicado a este tema.

 

Escrevo a partir de uma perspectiva mais ampla da vida e das questões do nosso tempo. Creio que é bom abrir horizontes, numa altura em que a política portuguesa está cada vez mais reduzida ao que não tem importância.

 

http://aeiou.visao.pt/andancas-e-falas-mansas=f531279

 

Foi um texto escrito num TGV, entre Paris e Londres. O bilhete em classe económica custou 174 Euros. Convém ter presente estes valores, para que se perceba o que significa ter alta velocidade que funcione. Será que o português médio pode gastar um montante semelhante num bilhete de comboio?

Assunto para reflectir.

Pág. 3/3

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

<meta name=

My title page contents

Links

https://victorfreebird.blogspot.com

google35f5d0d6dcc935c4.html

  • Verify a site
  • vistas largas
  • Vistas Largas

www.duniamundo.com

  • Consultoria Victor Angelo

https://victorangeloviews.blogspot.com

@vangelofreebird

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D