Portugal é grande quando abre horizontes

12
Jun 10

Enquanto limpava o meu jardim, esta manhã, tive uma percepção clara do que é uma erva daninha. Aparece isolada, ou em pequeno número, ganha raízes, com o tempo, e quando nos apercebemos, já ocupa uma boa parte do espaço. Chupa o solo, expulsa a grama, ocupa o terreno. Onde há dias havia coisa de jeito, hoje é só erva má, à nossa volta.

 

Os jardineiros têm que andar mais atentos. Ou arrancam a erva ruim, ou ficam com a horta completamente infestada.

publicado por victorangelo às 22:57

twitter
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

16




subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO