Portugal é grande quando abre horizontes

13
Mai 11

Continuo em Montreux, a meio dúzia de metros do Lago, entre uma delegação russa e gente da NATO e de outras instituições do Ocidente.  O tema é sobre a resolução de crises e a manutenção da paz. A Ásia Central e o Afeganistão ocupam uma parte importante da agenda.

 

De vez em quando, aparecem umas tiradas à antiga, inspiradas pela incompreensão e o antagonismo. O mais interessante é ver a obsessão dos Russos em relação às intenções do Ocidente, enquanto o lado de cá tem sobretudo uma tendência bem marcada para não prestar atenção suficiente aos Russos.

 

Na realidade, continua a haver um défice de diálogo entre os dois lados.

publicado por victorangelo às 10:40

twitter
Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11





subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO