Portugal é grande quando abre horizontes

07
Out 11

O papel das mulheres na luta pela democracia e pelos direitos humanos recebeu hoje um balão de oxigénio, com a atribuição do Nobel da Paz a duas africanas de renome --Ellen Johnson Sirleaf e Leymah Gbowee-- e à iemenita Tawakkul Karman. Trata-se de um reconhecimento bem merecido.

 

Duas das mulheres distinguidas são activistas comunitárias, enquanto que Sirleaf vem da elite das organizações internacionais. É um bom equilíbrio.

publicado por victorangelo às 22:00

twitter
Outubro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO