Portugal é grande quando abre horizontes

22
Ago 12

Ontem, este blog esteve fechado por motivis de viagem e calor. Vir de carro de Sevilha, atravessar a Andaluzia, parte da Estremadura espanhola e o Alentejo num começo de tarde de Agosto, dá para chegar com pouca vontade de ver um teclado à frente dos olhos. 

 

Se tivesse havido escrita, teria sido sobre o passamento de Meles Zenawi, o primeiro-ministro da Etiópia, no poder há mais de vinte anos. Foi um homem controverso, autoritário e duro, incapaz de respeitar o jogo democrático. Conseguiu, no entanto, manter o país unido e ganhar o respeito das grandes potências mundiais. Ou seja, era mais um exemplo da célebre política internacional que diz que existem dois pesos e duas medidas...

 

Estava doente há algum tempo e em estado crítico nos últimos dois meses. A sua morte inquieta muita gente, que teme que a Etiópia entre em crise política e num tribalismo que continua latente. A desestabilização desse país, se acontecer, virá trazer um novo nível de instabilidade e de insegurança a uma região já muito frágil, que engloba a Somália, o Sudão, o Sudão do Sul, a Eritreia e o Quénia, para mencionar apenas os países de maior risco. 

 

Temos, assim, que manter a Etiopia no radar. Ficar atentos.

 

 

publicado por victorangelo às 21:08

twitter
Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12

21



subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO