Portugal é grande quando abre horizontes

21
Dez 13

A reunião anual do Conselho da Diáspora Portuguesa tem lugar nesta Segunda-feira, em Cascais.

 

O Conselho é uma estrutura que surgiu há um ano, por iniciativa do Presidente da República. Congrega três ou quatro dezenas de portugueses que têm conhecido sucesso fora de Portugal e que são gente influente nos círculos em que se mexem. São pessoas ligadas às actividades económicas, ao sector privado.

 

Penso que se trata de uma boa ideia. Convém apostar em gente com sucesso reconhecido além-fronteiras. Não há que ter medo de ouvir a opinião de quem está fora das estruturas habituais.

 

A agenda deste ano é um pouco obscura, mas poderá dar lugar a debates interessantes, pois quando não se entende bem o que se pretende discutir pode-se falar de muita coisa. Os temas são: a mobilidade inteligente, o financiamento alternativo das empresas portuguesas e a questão de saber se Portugal está pronto para o futuro.

 

Não sei o que entender pela mobilidade inteligente, por exemplo. Mas os Portugueses que vi hoje, no mercado semanal de Saint Gilles em Bruxelas, gente simples da emigração, não serão certamente parvos. Sabem bem o que os levou a sair da terra. Tomaram, na altura, a decisão que lhes pareceu mais inteligente.

 

 

 

 

 

 

publicado por victorangelo às 20:17

twitter
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13



30


subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO