Portugal é grande quando abre horizontes

24
Abr 14

Deixar a angústia, o desânimo e o rancor tomar conta do 25 de Abril seria o equivalente ao suicídio colectivo de um povo. Ora, o 25 de Abril deve ser sempre como uma nova porta que se abre. Primeiro, sobre nós próprios e em seguida, sobre os outros, libertando a nossa imaginação e fazendo renascer a nossa vontade de vencer.

publicado por victorangelo às 21:06

A edição de hoje da Visão foi produzida como se a redação estivesse em finais de Abril de 1974. Conta os dias de Portugal e do mundo, nessa semana que se seguiu à Revolução dos Cravos. Traz-nos à memória uma época bem diferente da que vivemos agora.

 

Se houvesse um mecenas, seria importante produzir um número sobre Portugal e o mundo em 2024. Daqui a dez anos, não a quarenta, que esse é um período demasiado longínquo nas nossas vidas. Mas seria de facto interessante tentar imaginar a sociedade e as relações internacionais em 2024. Creio que essa antecipação do que poderá ser o nosso contexto nessa altura talvez nos ajudasse a ser um pouco mais sóbrios no momento actual. E mais conciliadores.

publicado por victorangelo às 08:39

twitter
Abril 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

15

23
25



subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO