Portugal é grande quando abre horizontes

04
Mar 16

Em geral, o pessoal que por aí anda à volta da política e da imagem na comunicação social procura um tacho, um carguinho público.

Ainda hoje tive a oportunidade de verificar a justeza desta minha apreciação. E do peso que a cunha continua a ter nos círculos de poder. A recomendaçãozinha…

E também me apercebi, uma vez mais, que ninguém compreende que eu não ande, igualmente, à procura de um lugarzinho qualquer. Não acreditam, por exemplo, que escrevo para intervir, para partilhar, e não para andar aos pulinhos, até ser notado.

Assim, aqui fica uma vez mais o aviso: não ando à procura de nenhuma mordomia. Nem espero nenhuma comenda. A minha agitação é outra.

publicado por victorangelo às 21:08

twitter
Março 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

18

20
23
25

28
29
30
31


subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO