Portugal é grande quando abre horizontes

14
Mai 10

 

Agradeço a todos os que, de um modo ou de outro, tiveram em conta a questão que ontem trouxe à consideração de quem me segue, neste blog. Respostas certamente interessantes, muito no sentido de apoiar o primeiro tema. Assim será. Terei em conta.  Mas gostaria de lembrar a importância do tópico número três, sobre a igualdade entre os homens e as mulheres. Mesmo na Europa mais avançada, é assunto ainda não resolvido. Veja-se, por exemplo, o caso do novo governo britânico. São poucas as mulheres na fotografia, em número quase sem significado, com excepção do ministério do interior, um departamento muito importante na estrutura governamental da Grã-Bretanha. David Cameron podia ter feito melhor.

 

Já que estou em maré de agradecimentos, queria aqui reconhecer o esforço das diferentes secções da PSP que contribuiram, com muito profissionalismo, para a segurança do Papa, durante a sua visita a Portugal. Quem está por dentro dos sistemas de segurança sabe que a PSP fez um trabalho excelente. Os riscos existiam, mas tudo correu bem. A PSP que se vê na rua é apenas uma pequena parte de uma estrutura complexa, que vive da dedicação dos seus elementos, mulheres e homens. Uma dedicação que vai muito além das parcas compensações que usufruem.

publicado por victorangelo às 20:08

Como deves compreender para nós que somos portuguesas e vivemos numa sociedade onde a mulher mais jovem manda tanto como o seu amigo homem e pouco ou nada se sente descriminada, é difícil compreender essa importância do tema que propunhas em terceiro lugar. Por cá as mulheres fazem o que querem, têm apoio oficial nos empregos quando engravidam, creches para os filhos, licença de parto, etc. Claro que podes sempre abordar o tema da violência doméstica. Mas essa praga é um assunto à parte.
Quanto à falta das mulheres na política, isso é certo, tens toda a razão, mas eu pessoalmente acho que a mulher é muito mais administradora que política. Ela deixa propositadamente essa tarefa quadrada para o homem porque a mulher tem uma vida muito mais abrangente do que aquela que a política oferece. E depois, por detrás de cada homem existe sempre uma mulher. Para quê o chamariz da glória, se é nos bastidores que a mulher tem tantas vezes tão sabiamente os seus momentos de vitória , longe das luzes da ribalta..
lírio do campo a 14 de Maio de 2010 às 20:59

Caro Victor Ângelo,

confesso que a minha escolha vacilou entre a ética e a igualdade de género.

Porém, a igualdade entre os sexos assenta na qualidade ética que imprimimos ao nosso carácter individual, na relação com terceiros, independentemente do sexo, idade ou estatuto social.

"Soi-même comme un autre" é uma proposta de liberdade, de responsabilidade e de ética relacional universal.

E a partir daqui, podemos 'caminhar' pela liberdade de expressão, de consciência e de religião.
Pela ética da igualdade entre homens e mulheres e, não esqueçamos, pela responsabilidade na educação das crianças.

As crianças; são sempre esquecidas as crianças, principalmente as dos outros.

Atentamente,
Alexandre Dias
Alexandre Dias a 15 de Maio de 2010 às 14:29

Estou inteiramente de acordo que o assunto da igualdade entre o homem e a mulher é importante mas, a Liberdade e a ética são temas muito importantes, cuja lacuna é necessário ocupar e tu melhor do que ninguém podes tratar com muita subtileza.

Quanto à segurança do Papa, pois eu também deixo aqui o meu apreço pelos elementos da PSP que asseguraram a estadia do Papa, em boa ordem. São gente que devemos ter respeito e dar o merecido valor.

Ficamos a aguardar o teu depoimento sobre o 1ª tema.
catulina a 16 de Maio de 2010 às 00:23

twitter
Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

22




<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO