Portugal é grande quando abre horizontes

18
Jan 12

Sem que se fale nisso, pela calada, Portugal entrou, nestes últimos dias num patamar de alto risco. O custo de financiamento da divida pública a longo prazo passou a ser muito alto - da ordem dos 19%, a cinco anos de maturidade. O risco do nosso incumprimento é agora estimado em 65%, também a cinco anos. Ou seja, é um risco demasiado elevado, com um grau de probabilidade muito sério, que não permite aos grandes investidores institucionais internacionais comprar obrigações do tesouro portuguesas.  

 

Quando se entra numa situação dessas, na espiral da morte, estamos perante uma catástrofe nacional. Só uma mudança radical de política, acompanhada por uma mobilização nacional, pode salvar a loiça e a mobília.

 

Quem tem medo de falar nisso?

 

Entretanto, a curto prazo, a três meses, ou a onze, é possível encontrar muitos compradores para as emissões que iremos fazendo, como hoje foi feito. Os compradores são sobretudo os bancos nacionais, que irão beneficiar de um juro à volta dos 4,5%, a pagar pelo tesouro português. Com esse papel, os nossos bancos vão a Frankfurt, dão-no como garantia ao Banco Central Europeu, recebem dinheiro fresco do BCE ao custo de 1%, que vão voltar a aplicar em mais papel de curto prazo ou em empréstimos leoninos às empresas, e ganhar algum. Tudo no curto prazo. Tudo para ganhar algum, rápido, ou enriquecer depressa, insustentável, porém, para a economia nacional.

 

Ou seja, a longo prazo estamos arrumados, mas a curto prazo há quem vá ganhando muita prata. 

publicado por victorangelo às 21:44

concordo.. acho q tao arrumados a longo prazo, mas eu nao faço parte desse lote, pois nao fui eu q contribui para o estado das coisas, nem seker ainda trabalho nem estudo, eles na ânsia de roubarem pa depois fugirem nem me deixaram fazer a minha vida!... nao preciso deles, falo bem o inglês, se portugal for invadido pelos ingleses eu dou-me bem no meio deles! se for invadido pelos russos, acho q eles tb sabem falar ingles..

acho muito sinceramente q o governo só tá a adiar o inadiavel pq ker levar o povo portugues todo para o estrangeiro... isso mais parece um pesadelo, uma cena de um filme trágico... "a deportaçao dos judeus" ou algo do genero...
Isa_ a 19 de Janeiro de 2012 às 00:07

twitter
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

19


30


<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO