Portugal é grande quando abre horizontes

24
Ago 12

O chefe da delegação do CDS-PP à Convenção Republicana que irá ter lugar no início da próxima semana em Tampa e que terá como objectivo confirmar Mitt Romney como candidato às presidenciais de Novembro disse, antes de partir de Lisboa, que espera uma maior aproximação da Europa, se Romney ganhar a presidência.

 

Se assim o espera, o homem, um tal Luís Queiró, só mostra que não entende nada do que se está a passar nos Estados Unidos nem nunca ouviu falar da viragem estratégica americana em direcção ao Pacífico. Como também não percebe que uma vitória de um fulano como Romney só contribuirá para extremar as posições internacionais dos Estados Unidos e tornar o mundo mais inseguro.

 

E é gente desta que lidera o desgraçado do país que somos. Estamos servidos. 

publicado por victorangelo às 22:11

Os Srs. do CDS saberão bem as orientações de Romney. Terão no entanto a esperança de que quem os ouve não o saberá, por não ser tão informado como o VA.

Este parece um novo drama nacional. A geração de políticos menos preparados/hábeis lida com a geração melhor preparada de sempre em Portugal… e o resultado por vezes roça o ridículo (como neste caso).
VascoB. a 25 de Agosto de 2012 às 10:05

twitter
Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12

21



<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO