Portugal é grande quando abre horizontes

04
Fev 13

A crise que rodeia Mariano Rajoy e a direcção do seu partido é mais uma machada profunda na credibilidade da classe política espanhola e em geral. A percentagem dos que ainda acreditam nos políticos, sobretudo em certos países europeus mais fragilizados, é cada vez menor. 

 

Tudo isto tem um impacto muito negativo sobre a saúde da democracia. Assim se prepara o terreno que é favorável à emergência de ditadores. Há, por isso, motivo para preocupações reforçadas. 

 

publicado por victorangelo às 20:48

E a fragilidade não se revê só na classe política espanhola. A coroa também anda a amealhar escândalos.
Universo de Paralelos a 5 de Fevereiro de 2013 às 18:09

Muito verdade, tem toda a razão Obrigado. VA
victorangelo a 5 de Fevereiro de 2013 às 21:43

twitter
Fevereiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO