Portugal é grande quando abre horizontes

16
Jul 13

Voltando à questão dos bancos, penso que é melhor privatizar completamente a Caixa Geral de Depósitos – que poderá valer, se valer, 3 000 milhões de euros – do que utilizá-la para financiar projectos sem nexo, como campos de golf em Espanha ou empreendimentos turísticos em Rio Maior que não vendem sequer três lotes, apesar da Caixa ter emprestado a gente influente 50 ou 60 milhões. Projectos que só dão prejuízo, mas que enriquecem os seus promotores, e que acabarão por ser pagos por todos nós.

 

É igualmente melhor encaixar o dinheiro da sua privatização que ter os partidos no governo a servir-se da CGD como parque partidário de pastagem.  

 

Não será?

publicado por victorangelo às 23:06

twitter
Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO