Portugal é grande quando abre horizontes

30
Jul 13

Portugal precisa de um grande volume de investimentos. Quer nacionais quer estrangeiros.

 

Os dados hoje revelados pela OCDE sobre o investimento estrangeiro em Portugal são desanimadores. No primeiro trimestre deste ano o valor desse investimento ficou muito aquém das expectativas e das necessidades: apenas 600 milhões de dólares em novos projectos.

 

No período homólogo de 2012, o valor atingira 1 700 milhões de dólares.

 

A tendência para a quebra é acentuada.

 

Veremos os dados dos trimestres seguintes, ao longo de 2013.

 

Enquanto esperamos por essa informação, tenha-se presente que a Irlanda, no primeiro trimestre deste ano, atraiu 22 000 milhões de dólares.

 

Tenha-se igualmente consciência que este é um assunto de importância estratégica para Portugal. É fundamental para a nossa possível saída do marasmo económico e da crise. É essencial para a criação de emprego.

 

Se eu fosse oposição ou governo, não falaria de muito mais, para além deste assunto do investimento estrangeiro.

 

E começaria por perguntar, entre outras coisas, por que razões dois anos de “diplomacia económica” não levaram a outra coisa senão ao definhamento do interesse internacional por Portugal.  

 

 

 

 

 

 

publicado por victorangelo às 22:26

twitter
Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO