Portugal é grande quando abre horizontes

16
Set 13

Ontem, no centro da cidade, o jovem polícia discutia com uma automobilista alemã, que havia estacionado num sítio que dizia paragem proibida. A senhora argumentava que não tinha saído do carro e estava apenas à espera do marido, que tinha ido pagar a conta e buscar as malas ao hotel. O jovem polícia, de boas maneiras, explicava-lhe que isso não era justificação que se pudesse aceitar. Apontava para o sinal de proibição e explicava-lhe que trinta metros mais à frente já era permitido parar, embora por apenas 15 minutos, no máximo, e contra pagamento. A senhora não queria aceitar e a coisa estava a ficar azeda. Entretanto, fui andando.

 

O interessante da estória era que o polícia, um simples agente de rua, falava inglês com fluência. Como poderia ter falado em letão ou em russo. O incidente veio uma vez mais confirmar a minha impressão que em Riga os jovens falam frequentemente três idiomas. Cada vez que vou a uma pequena loja e que inicio a conversa em inglês, recebo resposta, do outro lado do balcão. Com naturalidade, sem hesitações.  

 

Dizem-me que muitos dos jovens terão estudos universitários e que, depois, trabalham no que aparece. Não sei se assim será. Mas que se fica com a impressão de que existe um nível de escolaridade elevado entre a juventude, isso sim. E muita educação e boa vontade.

publicado por victorangelo às 19:58

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


twitter
Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11

21

23
28



subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO