Portugal é grande quando abre horizontes

23
Dez 13

O frenesim das compras de Natal esteve este fim-de-semana e hoje no máximo. Um amigo que está a passar a quadra em Viana do Castelo dizia-me que os centros comerciais e as lojas têm grande movimento. O editor da minha secção na Visão escrevia-me, por email, que estava com a família no rodopio das compras natalícias. Outro amigo dizia-me que até na pacata Moita anda tudo a fazer bicha nas caixas dos multibancos, para retirar o metal necessário para gastar em prendas, comidas e bebidas. Nas redes sociais, os meus contactos não falam de outra coisa.

 

Talvez não se gaste muito, pensei, mas pelo menos há azáfama e espírito positivo. Lembrei-me então dos subsídios de Natal, que este ano foram efectivamente pagos.

 

Até os capitalistas andaram nos mercados. Hoje, a banca portuguesa vendeu acções como já não o fazia há muito. Quando os capitalistas investem numa banca que até agora era dada como próxima da falência isto quer dizer que se espera que a economia volte a retomar um certo nível de crescimento.

 

Espero que assim seja.

 

De qualquer modo, tudo isto é uma boa maneira de entrar nos últimos dias que anunciam um ano novo.

publicado por victorangelo às 21:17

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


twitter
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13



30


subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO