Portugal é grande quando abre horizontes

02
Fev 09

 

A maioria dos Portugueses pensa que a investigação sobre o caso Freeport e' legítima, e não de inspiração política. Uma sondagem do jornal Publico, embora não sendo científica, mostra que mais de 70% dos que responderam assim pensam.

 

Por isso, continuar a insistir na música da cabala política não leva a parte alguma. E' argumento que não colhe, que já deu o que tinha a dar. O fundamental e' que a justiça responda a certos interrogações que precisam de ser esclarecidas, num caso que cheira intensamente a práticas corruptas. E que o faça sem demoras. Para o bem de todos, incluindo o da democracia em Portugal.

publicado por victorangelo às 21:31

fazer de conta q se investiga esses casos e torna-los noticia é só uma maneira de distrair o pessoal dos verdadeiros e aparentemente "pekenos" crimes q ocorrem todos os dias e bem mais graves, perpetrados pelos proprios agentes da ordem! n é toa q em frança a juventude incendeia carros!..
os terroristas estao a levar a melhor, conseguiram, c o reforço da segurança por acçao do medo, transformar os paises em ditaduras policias/ judiciais!
o ben laden, ou lá como se escreve, por estas alturas deve tar a rir-se, rodeado das suas mulheres, enquanto o mundo "pula e avança" à conta do q ele fez!
sei q isto n tem mto a ver c o teu post, mas só p lhe dar continuidade...
Isa_ a 3 de Fevereiro de 2009 às 23:08

twitter
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9




<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO