Portugal é grande quando abre horizontes

22
Set 16

O nosso país tem potencialidades económicas que não estão totalmente aproveitadas. Assim acontece na agricultura, na piscicultura, nas indústrias de ponta e na prestação de serviços modernos e globais. Portugal precisa de criar riqueza. E cabe ao governo e às elites interrogarem-se sobre as razões que impedem que isso aconteça. Esse é o verdadeiro debate político que faz falta.

O palratório sobre a distribuição da riqueza, que enche de modo contínuo a cena política e a comunicação social, é uma distração infantil, num país que não cria riqueza suficiente nem consegue crescer. É, também, uma característica muito portuguesa. Somos um povo animado não pela ambição de conseguir vencer na vida mas sim pela inveja do vizinho. Puxamos o país para baixo em vez de o empurrar para cima.

publicado por victorangelo às 21:39

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


twitter
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
14
15
16

19
21
23

26
27
28


subscrever feeds
<meta name=
My title page contents
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO